Pesquisa SPC sobre os hábitos financeiros das famílias

No mês passado o Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em parceria com o portal virtual de educação financeira Meu Bolso Feliz revelou alguns hábitos financeiros das famílias brasileiras, através de uma pesquisa que ouviu 662 consumidores brasileiros das 27 capitais do país.

A pesquisa mostra que mais do um terço dos casais no Brasil ignora o valor do salário do parceiro.

Pela pesquisa isso dá um percentual de 35%, sendo que apenas 31% das famílias entrevistadas disseram conversar abertamente sobre os gastos e as receitas do lar.

Isso revela que o hábito de planejar e discutir o orçamento doméstico – seja com o cônjuge ou com outro membro da família – ainda é algo que não acontece em grande parte das famílias brasileiras.

A pesquisa também tinha como interesse detectar os comportamentos sobre a dinâmica financeira da família brasileira.

De acordo com a pesquisa, o que ocorre com mais frequência dentro das casas é que apenas um morador é o responsável por pagar todas as contas – esta realidade corresponde a 33% das respostas. Somente 26% das famílias entrevistadas declararam que as despesas são divididas igualmente entre todos os membros da família que tem renda.

Em relação ao modo como são tomadas as decisões sobre os gastos da casa, 44% das famílias declararam que tomam decisões em conjunto com os outros familiares – o que é mais comum entre casais, mas com apenas 58% das respostas. 58% também foi o percentual encontrado das famílias em que as decisões sobre os gastos da casa são conversados com todos os membros, enquanto que apenas 21% das famílias em que apenas uma pessoa paga todas as contas conversam sobre os gastos da casa.

Embora as pessoas compartilhem informações sobre os gastos da casa – em até 93% dos casos analisados – a transparência deixa de existir quando se trata dos gastos pessoais. 25% dos entrevistados declararam que não compartilham seus gastos pessoais com outros membros da família.

De acordo com a consulta SPC, as mulheres são mais reservadas neste aspecto, sendo que 39% delas declararam que não revelam suas contas pessoais nem mesmo aos parceiros. As mulheres costumam omitir gastos com roupas (60%), calçados (42%) e acessórios (40%), enquanto os homens costumam omitir gastos com saídas para bares, cinemas, teatro e restaurantes (40%), fora os gastos com carros, motos (41%), cigarros e bebidas (19%).

A pesquisa também revelou que muitos brasileiros não fazem poupança. 38% dos entrevistados garantiram que suas famílias não possuem nenhum tipo de poupança. Enquanto isso, 29% dos entrevistados declararam que, quando sobra algum dinheiro do orçamento doméstico, este é direcionado para as despesas do mês seguinte.

A falta de diálogo e de planejamento financeiro mostrada na pesquisa SPC revela o quanto as famílias brasileiras ainda precisam progredir no sentido de ter uma vida financeira mais saudável.

Muitas das atitudes reveladas nesta pesquisa tem como resultado uma quebra do orçamento domestico, endividamento e muitas vezes, restrições no CPF, as vezes no nome de apenas um membro da família.

 

consulta-serasa-spc-cpf-gratis-online-scpc

Consulta CPF Online

Consulta CPF Online é o maior site de informações para reabilitação de crédito, limpar nome e dicas para realizar consulta online do seu CPF. Matérias 100% exclusivas!

Deixe um comentário

    Serasa e SPC ampliam parceria

    Neste ano de 2014 uma parceria entre a Serasa Experian e o SPC dominou os dois últimos dias da Convenção…

    Organização Financeira do Brasileiro

    A pesquisa abaixo detalhada foi realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) em parceria com o portal virtual…

    Como renegociar dívidas com o banco

    O ano de 2014 trouxe um cenário de inflação, juros altos e desaceleração econômica. Diante desta conjuntura, os consumidores que…

    4 Maneiras de fazer uma consulta CPF

    Como é de conhecimento comum a toda a população, o CPF é o registro de cidadão perante a Receita Federal…

    Como localizar um cheque devolvido?

    A emissão de cheques sem fundos acarreta a inclusão do nome do consumidor no Cadastro de Emitentes de Cheques Sem…